Boletim via e-mail



Para quem curte a Bíblia


Para quem curte a Bíblia 730

O livro da Sabedoria destaca a justiça e bondade de Deus. Ela faz com que Sua Palavra chegue a todos da mesma forma, mas, como refletimos na semana passada, nem todos a recebem da mesma maneira. Hoje Jesus compara os que acolhem seus ensinamentos ao trigo , que cresce e alimenta, e os que não acolhem, ao joio. E nos ensina que mesmo que acolhamos a Palavra teremos que conviver com quem não a acolhe, pois temos que dar frutos mesmo vivendo numa sociedade complexa e cheia de problemas. Paulo nos ensina que a força necessária  para agirmos assim vem do Espírito de Deus, que intercede a favor dos que querem fazer o bem e construir um mundo melhor. Desta forma, se quisermos, podemos fazer parte destes que fazem a diferença tornando o mundo mais feliz.
Leitura do Livro da Sabedoria (Sb12,13.16-19). 13Não há, além de ti, outro Deus que cuide de todas as coisas e a quem devas mostrar que teu julgamento não foi injusto. 16A tua força é princípio da tua justiça, e o teu domínio sobre todos te faz para com todos indulgente. 17Mostras a tua força a quem não crê na perfeição do teu poder; e nos que te conhecem, castigas o seu atrevimento. 18No entanto, dominando tua própria força, julgas com clemência e nos governas com grande consideração, pois quando quiseres, está ao teu alcance fazer uso do teu poder. 19Assim procedendo, ensinaste ao teu povo que o justo deve ser humano; e a teus filhos deste a confortadora esperança de que concedes o perdão aos pecadores.
SALMO RESPONSORIAL 85/86 R. Ó Senhor, vós sois bom, sois clemente e fiel!
1. Ó Senhor, vós sois bom e clemente, sois perdão para quem vos invoca. Escutai, ó Senhor, minha prece, o lamento da minha oração!
2. As nações que criastes, virão adorar e louvar vosso nome. Sois tão grande e fazeis maravilhas: vós, somente sois Deus e Senhor!
3. Vós, porém, sois clemente e fiel, sois amor, paciência e perdão. Tende pena e olhai para mim! Confirmai, com vigor, vosso servo!
Leitura da Carta de São Paulo aos Romanos (Rm 8,26-27). Irmãos: 26O Espírito vem em socorro da nossa fraqueza. Pois nós não sabemos o que pedir, nem como pedir; é o próprio Espírito que intercede em nosso favor, com gemidos inefáveis. 27E aquele que penetra o íntimo dos corações sabe qual é a intenção do Espírito. Pois é sempre segundo Deus que o Espírito intercede em favor dos santos.
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus (Mt 13,24-30). Naquele tempo, 24Jesus contou outra parábola à multidão: “O Reino dos Céus é como um homem que semeou boa semente no seu campo. 25Enquanto todos dormiam, veio seu inimigo, semeou joio no meio do trigo, e foi embora. 26Quando o trigo cresceu e as espigas começaram a se formar, apareceu também o joio. 27Os empregados foram procurar o dono e lhe disseram: ‘Senhor, não semeaste boa semente no teu campo? Donde veio então o joio?’ 28O dono respondeu: ‘Foi algum inimigo que fez isso’. Os empregados lhe perguntaram: ‘Queres que vamos arrancar o joio?’ 29O dono respondeu: ‘Não! Pode acontecer que, arrancando o joio, arranqueis também o trigo. 30Deixai crescer um e outro até a colheita! E, no tempo da colheita, direi aos que cortam o trigo: arrancai primeiro o joio e o amarrai em feixes para ser queimado! Recolhei, porém, o trigo no meu celeiro!’”.

Horários das Missas

Todo dia 02 de cada mês missa em louvor à Nossa Senhora com a tradicional benção das velas.

Sexta-feira, missa às 20h na Igreja Matriz

Sábado, às 18h, missa na Comunidade Nossa Senhora da Defesa

Segunda, às 15h, missa das almas na Comunidade Nossa Senhora da Defesa.

Domingo, às 08h, 10h30 e 19h missa na Matriz e às 09h missa na comunidade de Santa Edwiges.

Publicações

Campanha da Fraternidade 2017
Cartaz da Festa da Padroeira 2017