Boletim via e-mail



Para quem curte a Bíblia


Para quem curte a Bíblia 716

Depois de 40 dias de preparação, finalmente celebramos com alegria a Páscoa do Senhor! Jesus Cristo nos redime pelo seu sacrifício na cruz, e ressuscita para mostrar que a vida sempre vence a morte. Ao encontrar seu túmulo vazio, os discípulos não entendem o que aconteceu, pois usam a razão para entender algo que depende da fé, que por sua vez brota do amor. É por isto que o discípulo amado é quem acredita primeiro e sente-se impelido a levar ao conhecimento de todos como Jesus viveu, morreu e ressuscitou. Animados pela comemoração da Páscoa vamos buscar de forma mais insistente as coisas celestes, as virtudes que transformam e geram vida, evitando agir com maldade, ganância, rancor. Seguindo os passos de Jesus, deixemo-nos levar pelo amor, fazendo nossa parte na construção de uma sociedade melhor.

Leitura dos Atos dos Apóstolos (At 10,34a.37-43). Naqueles dias, 34aPedro tomou a palavra e disse: 37"Vós sabeis o que aconteceu em toda a Judéia, a come- çar pela Galiléia, depois do batismo pregado por João: 38como Jesus de Nazaré foi ungido por Deus com o Espírito Santo e com poder. Ele andou por toda a parte, fazendo o bem e curando a todos os que estavam dominados pelo demônio; porque Deus estava com ele. 39E nós somos testemunhas de tudo o que Jesus fez na terra dos judeus e em Jerusalém. Eles o mataram, pregando-o numa cruz. 40Mas Deus o ressuscitou no terceiro dia, concedendo-lhe manifestar-se 41não a todo o povo, mas às testemunhas que Deus havia escolhido: a nós, que comemos e bebemos com Jesus, depois que ressuscitou dos mortos. 42E Jesus nos mandou pregar ao povo e testemunhar que Deus o constituiu juiz dos vivos e dos mortos. Todos os profetas dão testemunho dele: 43’Todo aquele que crê em Jesus recebe, em seu nome, o perdão dos pecados’”.
Salmo Responsorial 117/118
R. Este é o dia que o Senhor fez para nós: Alegremo-nos e nele exultemos!
1. Dai graças ao Senhor, porque Ele é bom! “Eterna é a sua misericórdia!” A casa de Israel agora o diga: “Eterna é a sua misericórdia!”
2. A mão direita do Senhor fez maravilhas, a mão direita do Senhor me levantou. Não morrerei, mas ao contrário, viverei para cantar as grandes obras do Senhor!
3. A pedra que os pedreiros rejeitaram, Tornou-se agora a pedra angular. Pelo Senhor é que foi feito tudo isso: Que maravilhas ele fez a nossos olhos!
Leitura da Carta de São Paulo aos Colossenses (Cl 3,1-4). Irmãos: 1Se ressuscitastes com Cristo, esforçai-vos por alcançar as coisas do alto, 2onde está Cristo, sentado à direita de Deus; aspirai às coisas celestes e não às coisas terrestres. 3Pois vós morrestes, e a vossa vida está escondida, com Cristo, em Deus. 4Quando Cristo, vossa vida, aparecer em seu triunfo, então vós aparecereis também com ele, revestidos de glória.
Sequência Pascal 1. Cantai, cristãos, afinal: “Salve, ó vítima pascal!” Cordeiro inocente, o Cristo abriu-nos do Pai o aprisco. 2. Por toda ovelha imolado, do mundo lava o pecado. Duelam forte e mais forte: é a vida que enfrenta a morte. 3. O Rei da vida, cativo, foi morto, mas reina vivo! Responde, pois, ó Maria: no caminho o que havia? 4. “Vi Cristo ressuscitado, o túmulo abandonado. Os anjos da cor do sol, dobrado no chão o lençol”. 5. O Cristo que leva aos céus, caminha à frente dos seus! Ressuscitou, de verdade! Ó Cristo Rei, piedade!
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João  (Jo 20,1-9). 1No primeiro dia da semana, Maria Madalena foi ao túmulo de Jesus, bem de madrugada, quando ainda estava escuro, e viu que a pedra tinha sido retirada do túmulo. 2Então ela saiu correndo e foi encontrar Simão Pedro e o outro discípulo, aquele que Jesus amava, e lhes disse: “Tiraram o Senhor do túmulo, e não sabemos onde o colocaram”. 3Saíram, então, Pedro e o outro discípulo e foram ao túmulo. 4Os dois corriam juntos, mas o outro discípulo correu mais depressa que Pedro e chegou primeiro ao túmulo. 5Olhando para dentro, viu as faixas de linho no chão, mas não entrou. 6Chegou também Simão Pedro, que vinha correndo atrás, e entrou no túmulo. Viu as faixas de linho deitadas no chão 7e o pano que tinha estado sobre a cabeça de Jesus, não posto com as faixas, mas enrolado num lugar à parte. 8Então entrou também o outro discípulo, que tinha chegado primeiro ao túmulo. Ele viu, e acreditou. 9De fato, eles ainda não tinham compreendido a Escritura, segundo a qual ele devia ressuscitar dos mortos.

Horários das Missas

Todo dia 02 de cada mês missa em louvor à Nossa Senhora com a tradicional benção das velas.

Sexta-feira, missa às 20h na Igreja Matriz

Sábado, às 18h, missa na Comunidade Nossa Senhora da Defesa

Segunda, às 15h, missa das almas na Comunidade Nossa Senhora da Defesa.

Domingo, às 08h, 10h30 e 19h missa na Matriz e às 09h missa na comunidade de Santa Edwiges.

Publicações

CF 2018
Cartaz da Festa da Padroeira 2017