Boletim via e-mail



Para quem curte a Bíblia


Para quem curte a bíblia 650

Em mais um gesto de demonstração de submissão à vontade de Deus Pai, Jesus é batizado, assumindo plenamente sua condição humana, mas uma humanidade que serve a Deus fazendo a Sua vontade, uma humanidade que  reconhece sua limitação e que pede a força do Espírito Santo para conseguir agir com compaixão e misericórdia, ajudando aos que precisam sem esperar recompensas, manifestando o amor de Deus pela prática do bem. Se Ele, em condição humana, conseguiu realizar tudo isto, nós também podemos! Basta querermos e nos entregarmos plenamente a Deus, abrindo nossos corações às orientações do Espírito Santo, de forma que esta comunhão nos dê sabedoria e forças para realizarmos a vontade de Deus no meio dos homens.

Leitura Livro do Profeta Isaías (Is 42,1-4.6-7):  – Assim fala o Senhor: 1 “Eis o meu servo, eu o recebo; eis o meu eleito, nele se compraz minh’alma; pus meu espírito sobre ele, ele promoverá o julgamento das nações. 2 Ele não clama nem levanta a voz, nem se faz ouvir pelas ruas. 3 Não quebra uma cana rachada nem apaga um pavio que ainda fumega; mas promoverá o julgamento para obter a verdade. 4 Não esmorecerá nem se deixará abater, enquanto não estabelecer a justiça na terra; os países distantes esperam seus ensinamentos. 6 Eu, o Senhor, te chamei para a justiça e te tomei pela mão; eu te formei e te constituí como o centro de aliança do povo, luz das nações, 7 para abrires os olhos dos cegos, tirar os cativos da prisão, livrar do cárcere os que vivem nas trevas”.

Salmo Responsorial (Sl 26(29))
R. Que o Senhor abençoe,  com a paz, o seu povo.
1. Filhos de Deus, tributai ao Senhor, * tributai-lhe a glória e o poder! * Dai-lhe a glória devida ao seu nome; * adorai-o com santo ornamento!
2. Eis a voz do Senhor sobre as águas, * sua voz sobre as águas imensas! * Eis a voz do Senhor com poder! * Eis a voz do Senhor majestosa.
3. Sua voz no trovão reboando! * No seu templo os fiéis bradam: “Glória!” * É o Senhor que domina os dilúvios, * o Senhor reinará para sempre!

Leitura dos Atos dos Apóstolos (At 10,34-38): Naqueles dias, 34Pedro tomou a palavra e disse: “De fato, estou compreendendo que Deus não faz distinção entre as pessoas. 35Pelo contrário, ele aceita quem o teme e pratica a justiça, qualquer que seja a nação a que pertença. 36Deus enviou sua palavra aos israelitas e lhes anunciou a Boa-nova da paz, por meio de Jesus Cristo, que é o Senhor de todos. 37Vós sabeis o que aconteceu em toda a Judéia, a começar pela Galileia, depois do batismo pregado por João: 38como Jesus de Nazaré foi ungido por Deus com o Espírito Santo e com poder. Ele andou por toda a parte, fazendo o bem e curando a todos os que estavam dominados pelo demônio; porque Deus estava com ele”.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas (Lc 3,15-16.21-22). Naquele tempo, 15o povo estava na expectativa e todos se perguntavam no seu íntimo se João não seria o Messias. 16Por isso, João declarou a todos: “Eu vos batizo com água, mas virá aquele que é mais forte do que eu. Eu não sou digno de desamarrar a correia de suas sandálias. Ele vos batizará no Espírito Santo e no fogo”. 21Quando todo o povo estava sendo batizado, Jesus também recebeu o batismo. E, enquanto rezava, o céu se abriu 22e o Espírito Santo desceu sobre Jesus em forma visível, como pomba. E do céu veio uma voz: “Tu és o meu Filho amado, em ti ponho o meu bem-querer”.

Horários das Missas

Todo dia 02 de cada mês missa em louvor à Nossa Senhora com a tradicional benção das velas.

Sexta-feira, missa às 20h na Igreja Matriz

Sábado, às 18h, missa na Comunidade Nossa Senhora da Defesa

Segunda, às 15h, missa das almas na Comunidade Nossa Senhora da Defesa.

Domingo, às 08h, 10h30 e 19h missa na Matriz e às 09h missa na comunidade de Santa Edwiges.

Publicações

Campanha da Fraternidade 2017
Cartaz da Festa da Padroeira 2017